27/08/2019 às 10h31min - Atualizada em 27/08/2019 às 10h31min

Incêndio atinge casarão tombado como patrimônio histórico em Montes Claros

Imóvel foi comprado há pouco tempo por um empresário de Poços de Caldas.

Patrícia Marques
Amirt
No início da madrugada desta segunda-feira (26), um incêndio atingiu um casarão tombado como patrimônio histórico em Poços de Caldas, no Sul de Minas. O espaço fica na Rua Junqueiras, no Centro da cidade, e teve a estrutura comprometida em decorrência das chamas. As informações são do Corpo de Bombeiros.

Para combater as chamas, os militares gastaram mais de cinco horas e 70 mil litros de água para o rescaldo. Na ocasião, o trânsito precisou ser interditado no local.
Segundo a prefeitura da cidade, o casarão foi construído em 1886 para ser uma casa de veraneio do Conde Eduardo Silva Prates. O local foi tombado em junho de 2016, como patrimônio histórico pelo Conselho Municipal de Defesa do Patrimônio Histórico, Artístico, Cultural e Turístico.

Até o momento, não se sabe o que causou o incêndio. O imóvel foi comprado há pouco tempo por um empresário de Poços de Caldas. O Ministério Público solicitou que ele fizesse algumas intervenções, como de corte de energia elétrica. Por este motivo, o Corpo de Bombeiros não trabalha com a hipótese de um curto-circuito.

A Defesa Civil informou que toda a parte interna foi danificada. Um levantamento vai ser feito no imóvel para averiguar as causas do incêndio.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
" data-width="400" data-hide-cover="false" data-show-facepile="true">