11/10/2019 às 08h59min - Atualizada em 11/10/2019 às 08h59min

PC prende funcionários da prefeitura suspeitos de furtar material escolar, carne e por fazer ‘’gato’’ em energia elétrica

Os dois suspeitos são funcionários contratados pelo município de Caratinga.

Todo o esquema foi desvendado pela Polícia Civil a partir de uma denúncia anônima. O casal foi preso na manhã desta quinta-feira pelos investigadores da delegacia de Caratinga. De acordo com o delegado que apura o caso, Dr. Almir Lugon, não se sabe ainda o valor do prejuízo aos cofres púbicos. Foi apurado que os materiais saiam do almoxarifado municipal com destino às escolas da cidade e durante o transporte, os suspeitos retiravam parte da carga. Além dos objetos, a polícia localizou um ‘’gato’’ na rede elétrica na residência de um dos suspeitos.

Foram apreendidos cadernos escolares, brinquedos, produtos de limpeza e higiene pessoal, além de outros objetos. Norberto do Carmo Machado, de 47 anos, e Geovanni Gonçalves de Castro Machado, de 43 anos, foram encaminhados à delegacia e podem responder pelos crimes de furto de energia e peculato. Os dois suspeitos são funcionários contratados pelo município de Caratinga.

O secretário de Educação de Caratinga, Diego de Oliveira, conversou com a imprensa e destacou que a prefeitura não compactua com a situação. De acordo ainda com Diego, após o relatório da polícia, todas as providencias cabíveis serão tomadas em relação ao caso.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
" data-width="400" data-hide-cover="false" data-show-facepile="true">