23/10/2019 às 15h27min - Atualizada em 23/10/2019 às 15h27min

Secretaria de saúde fala sobre dados da vacinação contra sarampo em Caratinga

A vacina recebida é a tríplice viral, que também protege contra rubéola e caxumba.

Lucas Humberto
O sarampo é uma doença altamente contagiosa causada por um vírus. Erradicada a alguns anos do país, a doença voltou em 2017, e tem se espalhado pelo país. Em Minas Gerais, dados mais recentes apontam 34 casos confirmados, com 624 diagnósticos sendo analisados. A forma mais eficaz de se proteger da doença é através da vacinação, realizada de forma gratuita em unidades de saúde do município. A enfermeira Fabianne Novais falou um pouco mais sobre as ações implementadas pelo ministério da saúde, e destacou a importância da vacina.

A vacina recebida é a tríplice viral, que também protege contra rubéola e caxumba. É importante estar com o cartão de vacina atualizado, processo que pode ser conferido em qualquer unidade de saúde. Fabianne falou os horários para a população buscar as unidades de saúde da família.

Em Caratinga a coordenadora da atenção básica, Simone Avelino, falou que a primeira dose da vacina foi em 105% (devido à aplicação até mesmo em pessoas de outros locais que estavam de passagem pela cidade) e a segunda dose foi de apenas 78%. A meta até o fim da campanha no dia 31 de novembro é atingir 95% da população. Também será realizado um levantamento de quantas crianças menores de 5 anos ainda não procuraram as unidades de saúde.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
" data-width="400" data-hide-cover="false" data-show-facepile="true">