14/02/2020 às 09h26min - Atualizada em 14/02/2020 às 09h26min

Clonagem de Whatsapp

A clonagem de whatsapp tem feito vítimas em todo o país, e em Caratinga não é diferente.

Hérisder Matias
Parecia ser uma ligação como outra qualquer de um fornecedor de roupas, mas não. Era de um golpista que já tinha o número do telefone da Paula. A empresária de Caratinga conta que o homem do outro lado da linha informou alguns dados corretos, mas que iria enviar um código no celular para confirmar as informações.
Após ela receber o número do código e repetir para o golpista, o whatsapp da empresária foi bloqueado, possibilitando que o criminoso tivesse acesso a todos os contatos do aplicativo.
Por sorte, Paula percebeu o golpe imediatamente, entrando em contato com os amigos mais próximos por outras redes sociais e relatando o que havia acontecido. Em seguida, ela foi até à delegacia, onde fez um boletim de ocorrência. Já sabendo que se tratava de um golpe, uma das amigas recebeu uma mensagem do homem que se passava pela empresária de Caratinga. O golpista dizia que precisava de R$ 1.673,00, mas que o limite de transferência pessoal já havia excedido, e que por isso precisava da ajuda.
O delegado titular da divisão de fraudes da Polícia Civil de Caratinga disse que esse é o caminho a ser seguido. Após perceber que foi vítima de um golpista, deve-se comunicar aos familiares e amigos mais próximos e procurar a polícia. No caso de quem receber mensagens com o pedido de dinheiro, Luiz Eduardo aconselha às pessoas a tentarem entrar em contato por telefone com a vítima e não por mensagens de aplicativos.
O delegado afirma que os golpistas estão geralmente dentro de unidades prisionais e até mesmo aplicando os golpes de locais comuns, e atuam como na modalidade do falso sequestro ou da ligação de pedido de ajuda para pagar uma conta.
Outra orientação do delegado é que as pessoas tomem cuidado com a exposição exagerada nas redes sociais. Muitos criminosos utilizam das informações e fotos postas nessas plataformas digitais para aplicar os golpes.
Paula diz que após registrar o boletim de ocorrência, ela seguiu um passo a passo para desativar a conta do aplicativo Whatsapp, e sete dias depois conseguiu resgatar o número. Para ela ficou uma lição.
Quem foi vítima do golpe e após registrar um boletim de ocorrência, precisar de suporte técnico da empresa responsável pelo aplicativo, pode enviar um e-mail para: support@whatsapp.com . O passo a passo completo você encontra na nossa página no facebook e instagram.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »