03/03/2020 às 08h59min - Atualizada em 03/03/2020 às 08h59min

​Pacientes de Mutum e Governador Valadares são investigados por suspeita de coronavírus

Caso em Mutum consta como suspeito em boletim da Secretaria de Estado da Saúde. Em Governador Valadares, Prefeitura comunicou paciente investigado, mas ele não consta ainda em boletim estadual.

G1
A Secretaria de Estado da Saúde (SES) divulgou nesta segunda-feira (2) boletim epidemiológico no qual aparece um caso suspeito de coronavírus em Mutum, no Leste de Minas.
 
Ainda na região, também nessa segunda-feira a Prefeitura de Governador Valadares divulgou que investiga um paciente suspeito de ter coronavírus na cidade, mas esse caso ainda não consta no boletim da SES.
 
Os casos só são oficialmente reconhecidos como suspeitos após confirmação do Ministério da Saúde, o que ainda não ocorreu. Os números divulgados pelas secretarias estaduais e o Ministério da Saúde não são necessariamente iguais, já que os órgãos têm horários e procedimentos distintos para apresentação de seus boletins.
 
Em Mutum, o município não divulgou informações sobre o paciente investigado.
 
Já em Governador Valadares, a Prefeitura informou que o paciente é um homem de vinte e sete anos, que está em isolamento domiciliar e é sendo monitorado diariamente por um infectologista. O estado de saúde dele é estável.
 
Ipatinga
Também no Leste de Minas, dois casos suspeitos de coronavírus são investigados em Ipatinga. Segundo boletim epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde, um dos casos foi oficializado como suspeito e o outro ainda segue em análise.
 
De acordo com a Prefeitura de Ipatinga, um dos pacientes morava na Itália há 20 anos e veio ao Brasil para visitar o filho, que estava gravemente doente e acabou falecendo. O outro caso monitorado é de uma mulher que também veio da Europa.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »