20/05/2020 às 07h44min - Atualizada em 20/05/2020 às 07h44min

Bom Jesus promove reflexões sobre Luta Antimanicomial e Combate ao Abuso Sexual de Crianças e Adolescentes

As ações do Dia de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual propuseram reflexões sobre a importância da população denunciar os casos de abuso.

 O dia 18 de maio foi marcado por ações promovidas pela Prefeitura Municipal em alusão ao Dia de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual e à Luta Antimanicomial.
 
Quem foi à Unidade Básica de Saúde do Centro pode ver cartazes confeccionados em defesa da liberdade das pessoas com algum transtorno psicológico. As peças foram criadas pela psicóloga Laura Knupp, que vem intensificando os atendimentos com foco em transtornos provocados pela pandemia.
 
Segundo Laura, o desconforto causado pelo isolamento social reafirma a importância da liberdade para a promoção do bem-estar do corpo e da mente. “O ser humano nasce para ser livre, e não justifica condená-lo à reclusão em um manicômio por apresentar algum transtorno mental. Essas pessoas precisam de liberdade, amor, precisa de proteção”, sublinha a psicóloga.
 
Em relação aos transtornos desencadeados neste período de pandemia, o psiquiatra da rede municipal de saúde, Gustavo Fonseca Genelhu,  cita o uso e abuso de substâncias químicas, os transtorno depressivos e ansiosos, a insônia, e os transtornos psicóticos.
 
No enfrentamento desses distúrbios, o médico cita a importância do serviço de atendimento psiquiátrico ambulatorial municipal, que está oferecendo suporte por meio da telemedicina, “opção que permite oferecer o acolhimento e acompanhamento para os pacientes de grupo de risco e para aqueles que moram distantes do município, na zona rural, mantendo contato direto com as equipes de saúde da família”.
 
Em relação ao desafios que os profissionais de serviços de saúde mental têm enfrentando neste período, o psiquiatra destaca
a dificuldade em convencer as pessoas e pacientes sobre a importância de cuidar e valorizar a saúde mental neste momento tão peculiar de nossa história. “Sempre depois de toda tempestade, as nuvens abrem espaço para os dias de sol. São momentos difíceis, mas que poderão nos trazer lições para levarmos para toda a vida”, frisa, reforçando em seguida a necessidade da população  adotar todas as orientações dos profissionais sobre como se prevenir da Covid-19.
 
Gustavo Genelhu enumerou atitudes essenciais a serem tomadas em defesa da saúde mental, “não só neste momento de pandemia, mas durante toda a vida. As pessoas precisam manter uma alimentação saudável, praticar atividades físicas regularmente, dormir bem, fazer planos e sorrir muito, sempre”.
 
 ABUSO SEXUAL
 
As ações do Dia de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual propuseram reflexões sobre a importância da população denunciar os casos de abuso. O recado foi dado por meio de uma live pelas redes sociais da Prefeitura com o diretor de Assistência Social, Jhéferson Melho e as conselheiras tutelares, Ronilda Freitas, Malúcia Travenzoli da Silva Marcilene de Lourdes Corrêa, Júnia Carla de Faria Frutuoso e Eliane Lourdes da Conceição Aquino. A conversa foi mediada pela psicóloga Ana Paula Couto.
 
Além da transmissão ao vivo, a equipe promoveu uma passeata pela cidade com som volante convocando os munícipes a se envolver com a causa em defesa da proteção das crianças e adolescentes do município.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
" data-width="400" data-hide-cover="false" data-show-facepile="true">