20/07/2020 às 08h52min - Atualizada em 20/07/2020 às 08h52min

Com redução de valor, agentes ainda tentam "sim" do Talleres para Bustos jogar no Atlético-MG

Presidente do Atlético afirmou que irá buscar ou outro camisa 9, em falta no elenco alvinegro após as saídas de Ricardo Oliveira e Di Santo; e a lesão de Diego Tardelli

Fred Ribeiro
Globoesporte MG
A esposa de Nahuel Bustos já segue o perfil do Atlético-MG nas redes sociais. Uma ação que poderia ser apenas de curiosidade, mas que as pessoas envolvidas na negociação entre o clube brasileiro e o Talleres, garantem ser evidência da vontade do jogador em atuar no Galo. Por outro lado, o presidente do Atlético já descartou o nome.
 
Os intermediários envolvidos nas tratativas, porém, seguem acreditando que é possível se chegar a um denominador comum. Três agentes estão trabalhando com carta de autorização do clube. O documento tinha validade até o último domingo, mas haverá extensão. A missão é conseguir dobrar Andrés Fassi, mandatário da equipe de Córdoba. Nesta semana, os empresários irão apresentar novo molde de proposta pelo atacante: 5,5 milhões (R$ 33,8 milhões) de euros por 50% dos direitos econômicos.
 
A estratégia é diminuir os 7,5 milhões de euros (R$ 45 milhões) por 70% que o Talleres insisti em pedir - "caso contrário, ele irá para a Europa", garantiu Fassi, ao GloboEsporte.com. Nos novos moldes, o Talleres receberia menos do que pede, mas proporcionalmente, teria vantagem. Se 70% valem 7,5 milhões no desejo dos argentinos, então os 50% de Bustos teriam valor de 5,3 milhões de euros.
 
Para o negócio esquentar e, quem sabe, até mudar o discurso de Sette Câmara, o papel de Nahuel Bustos é fundamental. O centroavante precisa atacar para cima da diretoria do Talleres. O jogador manteve contato com Jorge Sampaoli, que apresentou projeto de protagonismo ao jovem de 22 anos. Bustos tende a conversar diretamente com Fassi, e prefere jogar no Brasil do que ir, neste momento, para alguns centros da Europa, como a Rússia (principalmente por conta da distância).
 
Em 14 de julho, na semana passada, o clube argentino enviou documento ao Galo, endereçado ao presidente alvinegro, recusando a proposta apresentada - de 4,2 milhões de dólares (R$ 22,6 milhões). Na carta, alega que se o Atlético não chegar aos valores definidos, o Talleres irá negociar com a Europa.
 
Neste sentido, outro ponto a favor de uma reviravolta na postura de desistência alvinegra: algumas janelas da Europa, como Itália (setembro), Espanha (agosto) e Inglaterra (na outra segunda) seguem fechadas.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »