20/08/2020 às 09h02min - Atualizada em 20/08/2020 às 09h02min

Receitas médicas agora podem ser passadas pela internet

Matheus Aguiar
Sancionada em 15 de abril, a lei 13.989 de 2020, permite o uso da internet para realização de atendimento médico sem necessidade de proximidade física com o paciente. Do texto original, tinha sido vetada a validação de receitas médicas apresentadas em suporte digital. O Congresso Nacional derrubou os vetos e a utilização da receita digital está liberada.

O psiquiatra afirmou que o número de pacientes no consultório tem crescido nessa pandemia. Muito em reflexo das medidas de segurança que, repentinamente, mudaram a vida de toda a sociedade.

A vantagem é que o paciente não tenha que sair de casa para obter o medicamento, mantendo o distanciamento social. A derrubada do veto demonstra uma disposição do congresso em apoiar a população no momento de enfrentamento ao coronavírus. O processo de validação dos documentos digitais é feito por meio do site https://assinaturadigital.iti.gov.br/. Vale ressaltar, que o médico é obrigado a informar os pacientes sobre as limitações do atendimento virtual, que por exemplo, impossibilita os exames físicos. Se for necessário, o atendimento presencial deve ser recomendado.


 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
" data-width="400" data-hide-cover="false" data-show-facepile="true">