21/10/2020 às 17h26min - Atualizada em 21/10/2020 às 17h26min

Escola José Augusto Ferreira é mais uma vez alvo de vandalismo

Fabio Teodoro
O diretor Jean Fellipe Campos Lopes considerou lamentável o fato de a Escola Estadual José Augusto Ferreira, em Caratinga, ter sido mais uma vez alvo de vandalismo ontem (18/10).

Jean tomou conhecimento do fato, por volta das 16h, quando ele recebeu uma denúncia anônima, dando conta que a escola estava sendo furtada. Segundo o diretor, os vândalos arrombaram uma janela do Laboratório de Ciências, onde estavam armazenados, provisoriamente, devido à reforma da escola, kits de merenda, violões utilizados na educação integral, esqueletos, utensílios de cozinha, entre outros objetos.

Por meio de um vídeo compartilhado nas redes sociais, Jean demonstrou sua indignação diante desta notícia desagradável.
 
Jean pediu a quem tiver qualquer informação que denuncie porque ações como essas não podem ficar impunes.

Até o fechamento desta reportagem, a escola ainda fazia um levantamento do que foi furtado. Nas redes sociais, o diretor criou uma campanha com a hashtag "EstadualContraOVandalismo" com o objetivo de mobilizar a população a ajudar a cuidar da escola. Destruir, inutilizar ou deteriorar coisa alheia, a pena é de detenção, de um a seis meses, ou multa. Se o crime é cometido contra o patrimônio público, a pena é de detenção, de seis meses a três anos, e multa.

O Estadual é uma escola tradicional na cidade e formou muitos cidadãos de bem. São 60 anos de serviços prestados à população de Caratinga. Uma escola que, assim como as outras escolas, que são espaços de formação, merece respeito e cuidado.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
" data-width="400" data-hide-cover="false" data-show-facepile="true">