12/01/2021 às 08h45min - Atualizada em 12/01/2021 às 08h45min

Duas pessoas morrem em grave acidente na BR-474

O grave acidente foi registrado nesta tarde de segunda-feira (11/01), por volta das 13h30, na altura do km 154 da BR-474, em Piedade de Caratinga.

Fabio Teodoro
O Fiat Uno em que as vítimas viajavam ficou completamente destruído. No carro estavam quatro pessoas, sendo dois casais. O casal Luis Fernando Martins, de 30 anos, e Dioneide Barbosa dos Santos, de 27 anos, morreu na hora.
O outro casal identificado como Liliane Ferreira Pinto, de 33 anos, e Everaldo Aparecido Martins, de 36 anos, foi socorrido com vida pelo Samu e pelo Corpo de Bombeiros e levado para o Hospital Nossa Senhora Auxiliadora (HNSA) em Caratinga. Conforme os bombeiros, Liliane e Everaldo foram socorridos conscientes.
O grave acidente foi registrado nesta tarde de segunda-feira (11/01), por volta das 13h30, na altura do km 154 da BR-474, em Piedade de Caratinga. Os militares do Destacamento da Polícia Militar de Piedade controlaram o trânsito até a chegada da Polícia Militar Rodoviária (PMRv).
Com a chegada dos militares rodoviários, o local foi isolado e resguardado para os trabalhos da perícia da Polícia Civil. O carro era dirigido por Luis Fernando, que seguia sentido a Piedade, quando perdeu o controle da direção, saiu da pista, bateu contra árvores e capotou em uma ribanceira às margens da rodovia.
"Houve a perda do controle direcional sem motivo aparente. Então, pode ser ter sido que o condutor dormiu ou havia um animal na pista, mas não dá para saber porque ele não deixou nenhum vestígio na pista que indicasse o que aconteceu. Como não há outros envolvidos no acidente, então, a princípio, é um acidente que é autorresolvido porque não tem envolvimento de terceiros. Ele teve a perda do controle direcional, colidiu com as árvores e houve o capotamento", informou o perito Fernando Ferreira Gomes.
O trânsito também chegou a ficar parado nos dois sentidos da rodovia por causa do acidente. Os bombeiros tiveram que utilizar o desencarcerador para fazer a retirada do corpo de Luis Fernando das ferragens. Após os trabalhos periciais, os corpos das vítimas foram levados pelo serviço funerário ao Instituto Médico Legal (IML). Dioneide era do estado da Bahia e as demais vítimas de Piedade.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
" data-width="400" data-hide-cover="false" data-show-facepile="true">