01/03/2021 às 17h39min - Atualizada em 01/03/2021 às 17h39min

Criminosos clonam anúncios da internet e vendem como se fossem deles

Segundo o delegado Luiz Eduardo, o que dificulta na identificação desses criminosos é a distância, geralmente eles são de outros estados como São Paulo, Goiás e Mato Grosso.

Lorena Gonçalves
Um alerta para a população. Criminosos de outros estados estão clonando anúncios da internet, geralmente produtos de alto valor e revendendo esses supostos produtos como se fossem deles.  É o golpe do Facebook.
 
A delegacia da Polícia Civil de Caratinga está registrando em média 06 boletins de ocorrência por semana de pessoas que caíram no golpe do Facebook ou OLX. Segundo o delegado Luiz Eduardo, o que dificulta na identificação desses criminosos é a distância, geralmente eles são de outros estados como São Paulo, Goiás e Mato Grosso. O golpe funciona da seguinte forma: Uma pessoa interessada em vender um carro, de alto valor, posta o anúncio no Facebook.  O criminoso encontra o anúncio, se apodera das fotos, e posta um novo anúncio como se fosse dele. Neste caso, o veículo é ofertado por um valor atrativo. Então uma pessoa interessada é atraída pelo anúncio do veículo, e entra em contato com o criminoso, solicitando mais informações sobre o carro. O golpista fornece as informações para o comprador e diz que está vendendo o veículo para o funcionário dele, afim de quitar uma dívida trabalhista. Portanto, três pessoas estão envolvidas, o vendedor, o comprador e o golpista, lembrando que o vendedor e o comprador são vítimas.
 
As pessoas devem ficar atentas na hora de comprar algum produto, negociar diretamente com o vendedor e não aceitar participação de terceiros, como explica o delegado.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
" data-width="400" data-hide-cover="false" data-show-facepile="true">