22/03/2021 às 11h19min - Atualizada em 22/03/2021 às 11h19min

​Corpo de enfermeira que estava desaparecida é encontrado em plantação de eucalipto

Priscila Cardoso da Silva, de 35 anos, foi vista pela última vez na segunda-feira (15) quando saía de um posto de saúde em Santana do Paraíso. Suspeito do crime foi preso em Guarapari (ES).

G1 Vales de Minas Gerais
O corpo da enfermeira Priscila Cardoso da Silva, de 35 anos, foi encontrado pela polícia em uma plantação de eucalipto próximo a entrada do município de Ipaba (MG), neste sábado (20). Ela estava desaparecida desde segunda-feira (15) quando foi vista pela última vez ao sair do posto de saúde onde trabalhava, em Santana do Paraíso (MG).
 
O suspeito, de 49 anos, foi preso em Guarapari (ES) nessa sexta-feira (19) e confessou o crime. Ele foi levado para a delegacia de Ipatinga e a Justiça já expediu um mandado de prisão preventiva.
 
“O indivíduo foi monitorado nas adjacências e residências de parentes e foi preso chegando na casa da mãe. Em nenhum momento reagiu e confessou que efetivamente teria matado a Priscila e indicou o local onde o corpo estava”, disse o delegado Alexsandro Caetano.

O corpo foi encontrado com marca de tiro na testa. O delegado explicou que a motivação do crime ainda não foi elucidada e as investigações continuam. As diligências foram feitas pelas polícias Militar e Civil de Minas, Bahia e do Espírito Santo.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
" data-width="400" data-hide-cover="false" data-show-facepile="true">