07/04/2021 às 14h59min - Atualizada em 07/04/2021 às 14h59min

Polícia alerta usuários sobre golpes de WhatsApp

Na região de Caratinga, segundo a Polícia Militar, esse tipo de crime tem sido frequente, e o número de registro de casos de clonagem aumentou

(Foto: reprodução)
Algo que tem se tornado muito frequente são os golpes aplicados por meio de links falsos e mensagens enviadas ao WhatsApp. Consequentemente, muitos números são clonados. Isso acende um alerta as pessoas que usam o aplicativo de mensagem instantânea e, também, tem chamado a atenção das autoridades policiais.

Na região de Caratinga, segundo a Polícia Militar, esse tipo de crime tem sido frequente, e o número de registro de casos de clonagem aumentou. Uma das táticas dos criminosos é se passar por alguém da família e solicitar depósitos bancários

Segundo a polícia, um dos modus operandis dos infratores é que eles procuram pessoas que se expõem de forma excessiva nas redes sociais.




O WhatsApp é clonado por meio de dados divulgados pela vítima em redes sociais ou sites de compra e venda. Os criminosos têm acesso ao número do telefone e o cadastram em outro celular. Após este processo, uma mensagem de texto com um código de liberação é enviada para o celular da vítima. Posteriormente, o dono da conta precisa fornecer o código ao golpista.  Em posse do número de segurança, o criminoso tem acesso à conta e aos contatos da vítima, e se passa por ela na tentativa de roubar dinheiro de parentes e amigos através de transferências ou depósitos bancários.

Uma das formas de manter o WhatsApp seguro é fazer a confirmação em duas etapas. Os passos são: abra o aplicativo, clique nos três pontos no canto superior direito, clique em conta, em seguida, em confirmação de duas etapas, ativar, escolher um número de seis dígitos, confirmar e, na sequência, vai te pedir um e-mail caso você venha perder o código, e a verificação estará ativada. Relembrando: jamais compartilhe esse código com alguém.
 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »