01/06/2021 às 15h30min - Atualizada em 01/06/2021 às 15h30min

Jovem que matou mulher com um tiro na cabeça é preso pela Polícia Civil em Ipanema

O crime ocorreu na última sexta-feira, no distrito de Santa Luzia. A vítima é Michely Batista, de 24 anos

A prisão ocorreu nesta segunda-feira (Foto: reprodução/ TV Sistec)
Marcos  Henrique Figueiredo Maciel, de 22 anos, foi preso pela Polícia Civil em Ipanema, no fim da tarde de segunda-feira (31). Ele é apontado como autor de um feminicídio no distrito de Santa Luzia, em Caratinga. O crime ocorreu na última sexta-feira (28). A vítima é Michely Batista da Mata Sales, de 24 anos. 

De acordo com a Polícia Civil, a corporação recebeu informações de que Marcos estava em Ipanema. "Nós fomos contactados por familiares e advogado dele, que manifestaram o interesse em fazer a apresentação do Marcos na delegacia de Ipanema. Nós estabelecemos algumas condições para que esta apresentação fosse feita. Entre as condições, estava a apresentação da arma de fogo utilizada no crime. No fim da tarde desta segunda-feira, Marcos chegou a delegacia acompanhado do advogado e familiares, mas não trazia consigo a arma. Durante uma conversa, Marcos informou que havia escondido a arma próximo a residência de familiares no Córrego Suíço, zona rural de Caratinga. A equipe de Ipanema foi com o suspeito até o local e apreendeu a arma e deslocou com ele para a delegacia de Caratinga", detalhou o delegado Alfredo Serrano.




Ainda conforme a Polícia Civil, o Poder Judiciário havia expedido um pedido de prisão preventiva contra Marcos Henrique. Foi tomado o depoimento dele e dado o cumprimento da ordem judicial.

"Ele [Marcos] deu algumas declarações. Segundo o suspeito, houve um desentendimento entre o casal, possivelmente relacionado com traições. E em razão dessas traições, evoluiu para uma briga e ele afirmou que efetuou um disparo de arma de fogo a curta distância na cabeça da vítima e, posteriormente, fugiu", explicou o delegado.

Inicialmente, surgiram cometários de que a vítima estaria grávida, mas isso não foi constatado pela perícia. A vítima deixa uma filha de cinco anos.

Marcos foi encaminhado à delegacia de Polícia Civil de Caratinga. A arma utilizada no crime e munições foram aprendidas pelos agentes civis.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
" data-width="400" data-hide-cover="false" data-show-facepile="true">