11/06/2021 às 18h32min - Atualizada em 11/06/2021 às 18h32min

Polícia Militar de Meio Ambiente prende caçadores, apreende armas e cães de caça ilegal

Os dois caçadores foram abordados e presos pela Polícia Militar de Meio Ambiente numa estrada de acesso a Pequena Central Hidrelétrica (PCH) Areia Branca, no distrito de Santo Antônio do Manhuaçu, na zona rural de Caratinga. As prisões dos envolvidos ocorreram esta semana, durante as Operações Alferes Tiradentes e Paz no Campo.
Os policiais militares ambientais faziam um patrulhamento noturno pelo local, quando se deparam com um veículo estacionado na estrada com dois cães dentro, levantando a suspeita da polícia.
"Esses cães, pelas características, são utilizadas na prática da caça de animais silvestres. Diante desta situação, nós estabelecemos uma estratégia de espera porque estávamos convictos que haviam pessoas praticando caça de animais silvestres na região. Após um período de duas horas e quarenta minutos, nós percebemos luzes de lanternas e algumas pessoas conversando, se direcionando para o local onde estava estacionado o veículo. Fizemos a abordagem e constatamos que estas pessoas realmente estariam retornando da atividade de caça", relatou sargento Adelson.
Com os autores, foram apreendidas duas armas de fogo. Um deles portava uma das armas na mão e a jogou ao chão. Já a outra arma foi localizada na cintura de um dos abordados. Também foram apreendidos outros materiais e dois cães usados na prática de caça de animais silvestres.
Os dois foram presos por porte ilegal de arma de fogo e levados para a Delegacia de Polícia Civil juntamente com os materiais, onde foram autuados. Os cães apreendidos foram encaminhados ao Canil Municipal de Caratinga.



Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
" data-width="400" data-hide-cover="false" data-show-facepile="true">