10/08/2021 às 08h32min - Atualizada em 10/08/2021 às 08h32min

Filha de Agnaldo Timóteo vence ação e obtém direito à herança milionária

Cantor, que morreu em abril deste ano, deixou metade do patrimônio e dos bens para Keyty Evelyn, de 14 anos

Correio Braziliense
(Foto: Redes Sociais)

Nesta segunda-feira (9/8), Timotinho Silva, assessor e sobrinho de Agnaldo Timóteo, anunciou que o processo de adoção da filha, de 14 anos, do cantor foi concluído na Justiça. Ela é destinatária de metade da herança do artista, que, que morreu em abril deste ano. 

Apesar de ele a ter criado desde os dois anos de idade, a adoção legal ainda estava em andamento. Rutinente, irmã de Agnaldo, chegou a entrar na Justiça por julgar que o irmão estava ‘desorientado’ no ato da assinatura do testamento.

Sidney Pedroso, advogado do artista, foi reconhecido como o inventariante e garantiu à filha o acesso à herança. Timotinho comemorou a decisão publicando uma foto com Keyty Evelyn, escrevendo que a justiça se cumpriu.

“Finalmente uma notícia boa. Muito feliz que Justiça foi feita, seja feliz minha querida Keyty. Que bom que a Justiça respeitou o desejo do nosso querido Agnaldo Timóteo”, escreveu.

Em entrevista à RecordTV feita em julho deste ano, Sidney se mostrou otimista com o andamento do processo. “Tudo se encaminha para que consigamos realizar o bom desejo do Agnaldo Timóteo, que é ver a filha dele, que foi a alegria da vida dele, Keyty Evelyn Timóteo, sendo adotada por ele mesmo que postumamente”, disse.

O patrimônio de Agnaldo, segundo o Domingo Espetacular, inclui um apartamento em São Paulo e um sobrado na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, e chega a 30 milhões de reais, sem contar as obras artísticas do cantor.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
" data-width="400" data-hide-cover="false" data-show-facepile="true">