03/09/2021 às 16h19min - Atualizada em 03/09/2021 às 16h19min

Carros de luxo são apreendidos pela PF durante operação de combate ao tráfico de pessoas

As investigações, que integram o acordo de cooperação policial internacional contra o tráfico de pessoas, tiveram início em 2018, após recebimento de várias notícias-crime a respeito

(Foto: divulgação/ Polícia Federal)
A Polícia Federal deflagrou, nesta quinta-feira (2,) a Operação Policial "Velho Coiote", que combate o auxílio à migração ilegal de brasileiros para os Estados Unidos, com o cumprimento, na cidade mineira de Divino das Laranjeiras, de três mandados de busca e apreensão expedidos pela Justiça Federal de Governador Valadares.

As investigações, que integram o acordo de cooperação policial internacional contra o tráfico de pessoas, tiveram início em 2018, após recebimento de várias notícias-crime a respeito.




Apurou-se que os investigados promoviam a migração ilícita e o envio ilegal de crianças e adolescentes para os Estados Unidos, cobrando, para tanto, vultuosos valores em dólares. 

Os fatos investigados possuem, em comum, os mesmos suspeitos. O grande número de viajantes nessas condições demonstra a amplitude da atuação do grupo.  Ademais, registros indicam que um dos criminosos atuava com essa prática delituosa desde o ano de 2004.

Durante as buscas, foram encontrados e apreendidos valores em espécie e carros de luxo, além de bens dados em pagamento e em garantia pela “dívida” assumida pelos migrantes. 

A Justiça determinou o bloqueio de bens e capitais do grupo criminoso, que somam R$11 milhões.

Se condenados, os envolvidos e demais investigados podem cumprir pena de até 11 anos de reclusão, com possibilidade de aumento a depender da quantidade de crimes imputados a cada um. 


(Foto: divulgação/ Polícia Federal)

Seguindo todos os protocolos de cuidados do Ministério da Saúde, a Polícia Federal prossegue com seu trabalho.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
" data-width="400" data-hide-cover="false" data-show-facepile="true">