25/10/2021 às 16h30min - Atualizada em 25/10/2021 às 16h30min

Colisão seguida de capotamento deixa motorista ferido em Caratinga

Acidente aconteceu na manhã desta segunda-feira, na rua Frei Carlos Frantini, no bairro Esplanada

Miguel Bráz
Acidente foi registrado no bairro Esplanada (Foto: Miguel Bráz/ TV SISTEC)
A colisão seguida de capotamento ocorreu na rua Frei Carlos Frantini, no bairro Esplanada, na manhã desta segunda-feira (25). Os veículos seguiam sentido oposto e bateram frontalmente. Um deles, um Fiat Uno, capotou e parou em frente a uma garagem residencial. O motorista, que não teve a idade divulgada, ficou ferido e foi socorrido ao Hospital Nossa Senhora Auxiliadora, em Caratinga, por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência, SAMU.

O primeiro atendimento foi prestado por Robson Martins, que é bombeiro civil e mora próximo ao local do acidente. Ele estava em casa na hora do fato.

“Eu estava em casa, escutei o barulho forte e desci pra ver a situação. Quando cheguei ao local, o motorista estava dentro do carro, e se encontrava consciente. A princípio, populares queria desvirar o carro, aí já assumi a ocorrência, tomei par da situação, acionei os bombeiros e o SAMU e aguardei a chegada deles”, conta.




Quando a nossa equipe de reportagem chegou ao local, a vítima já estava dentro da ambulância do SAMU e sendo encaminhada para o hospital. O Corpo de Bombeiros também estava na área do acidente.

O motorista do outro veículo não sofreu ferimentos. Para evitar um novo acidente, os militares do Corpo de Bombeiros utilizaram uma técnica chamada salvamento veicular.

“Foi uma técnica de salvamento veicular. Primeiramente, para salvar a vítima e retirá-la do veículo, precisamos de um total segurança tanto da vítima quanto da guarnição [equipe]. Essa técnica de estabilização de veículo é para que, quando formos movimentar a vítima, não aconteça do carro tombar de novo ou outro acidente para piorar a situação da vítima e nem machucar os membros da guarnição”, detalhou soldado Adryel, do Corpo de Bombeiros.

Por causa da batida, os veículos ficaram com a parte frontal estragada e alguns pedaços se espalharam pela rua. O trânsito ficou interditado.


(Foto: Miguel Bráz/ TV SISTEC)

Segundo apurado pelo jornalismo da TV SISTEC, o condutor socorrido alegou que tentou dar um “tranco” no carro. Porém, o veículo não funcionou e ficou sem freio.

A Polícia Militar também compareceu ao local do acidente e ajudou na ocorrência.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »