14/01/2022 às 17h18min - Atualizada em 14/01/2022 às 17h18min

GOVERNO DE MINAS QUER COMEÇAR A VACINAR CRIANÇAS CONTRA COVID NESTE SÁBADO

As cidades de Minas Gerais começarão a receber as primeiras doses de vacina contra covid-19 para crianças de 5 a 11 anos nesta sexta-feira (14/1). Os imunizantes chegam em momento de aumento nos casos em todo o Estado.  

Desde o início da pandemia, ao menos 300 crianças entre cinco e 11 anos, morreram em decorrência da Covid-19 no Brasil. Mais de 1.400 delas foram diagnosticadas com graves sintomas associados ao Novo Coronavírus e, atualmente, são elas que correm mais risco diante de novas variantes altamente transmissíveis, como a ômicron, por não estarem protegidas. De acordo com o secretário estadual de saúde, Fábio Baccheretti, essa imunização já pode começar no próximo sábado, com a chegada de 110 mil doses. 

Segundo o governo, pais devem se manter atentos ao calendário de vacinação infantil já que a baixa imunização tem promovido o retorno de doenças já erradicadas. Porém, a decisão cabe aos responsáveis. Com relação ao retorno das escolas, a vacina contra a covid-19 não será obrigatória para que os alunos participem das aulas presenciais.

Estudo feito pela SES-MG, com dados da covid-19 referentes ao mês de dezembro em Minas Gerais, mostra que uma pessoa não vacinada corre um risco 11 vezes maior de morrer em decorrência do vírus do que uma pessoa imunizada com as duas doses. 

Após os feriados de fim de ano, o sinal de alerta voltou a ligar no Estado. O recorde de infectados em 24 horas em Minas Gerais, entre todo o período da pandemia, foi superado na quarta-feira (12/1), quando foram identificados 18.153 novos casos.

Em Caratinga a situação não é diferente. Só nesta semana, até quinta-feira (13), a cidade registrou 166 novos casos e um óbito. Além disso, o hospital CASU-Irmã Denise, que chegou a não ter nenhum paciente internado no fim de 2021, já tem 11 leitos de UTI ocupados nesta segunda semana de janeiro. 

Porém de acordo com o secretário, entre as pessoas atualmente internadas, existem muitos casos do surto de gripe. Para aumentar o acompanhamento de casos, o governo ainda encaminhou mais de um milhão de testes rápidos aos municípios. Fábio lembra também que é hora de redobrar os cuidados. 




 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
" data-width="400" data-hide-cover="false" data-show-facepile="true">