25/01/2022 às 11h59min - Atualizada em 25/01/2022 às 11h59min

Projeto de lei cria Área de Proteção Ambiental na serra da igrejinha do Deus-me-Livre

Proposta, de autoria dos vereadores Wilian Faria, Aelcio dos Ferreiras e Claudiney do Lage, foi sancionada pelo Executivo

Área da Igrejinha do Deus-me-Livre (Foto: cedida à TV SISTEC por Apollo Vieira)
O projeto de lei é de autoria dos vereadores Wilian Faria, do PT, Aelcio dos Ferreiras, também do PT, e do Claudiney do Lage, da REDE. A proposta foi apresentada aos demais vereadores e aprovada por unanimidade. Em seguida, seguiu para o Executivo, que sancionou a medida.



O projeto cria a Área de Proteção Ambiental, APA, no município de Santa Bárbara do Leste. Conforme o texto, a área começa no furo do Alto do Peão e se estende até o Maciço do Córrego da Pedra Fria. Lá, fica a igrejinha do Deus-me-Livre. Com a aprovação do projeto, os vereadores acreditam que a região será intocável. E, claro, recursos estão sendo captados para cuidar do local.  

Vereador Wilian Faria, do PT, um dos autores do projeto (Foto: Miguel Bráz/ TV SISTEC)

O alto da igrejinha do Deus-me-Livre é considerado o cartão postal de Santa Bárbara do Leste. Para a elaboração do projeto, houve um acordo entre a Igreja Católica, que já havia movimentado uma ação de abaixo-assinado para colocar um contrapeso nas empresas que têm interesse em se instalar na cidade e explorar o minério que há naquela região.


Igrejinha do Deus-me-Livre em Santa Bárbara do Leste (Foto: cedida à TV SISTEC por Apollo Vieira) 

O artigo 3º do projeto de lei defende a preservação dos mananciais que abastecem a população urbana de alguns municípios que se concentram a maior parte em suas vizinhanças. Já o artigo 5º, proíbe a implantação e funcionamento de indústrias poluidores, capazes de afetar os mananciais de água; a implantação e funcionamento de sistemas de tratamento de resíduos sólidos industriais; criação de atividades que possam provocar acelerada erosão das terras ou assoreamento das coleções hídricas e atividades que ameacem a fauna silvestre e a sobrevivência de espécies existentes no local.

Por fim, a administração da APA será realizada por um comitê gestor, a ser instituído pelo chefe do Poder Executivo.

A igrejinha do Deus-me-Livre é um ponto que atrai muitos turistas, principalmente, de outras cidades e também de vários estados. O local é o ponto de peregrinação para os fiéis católicos, sobretudo, no dia 12 de outubro, quando é comemorado dia de Nossa Senhora Aparecida, a padroeira do Brasil.


Edição: Miguel Bráz
 
 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
" data-width="400" data-hide-cover="false" data-show-facepile="true">