20/06/2019 às 08h56min - Atualizada em 20/06/2019 às 08h56min

Alunos do UNEC constroem órteses com materiais alternativos para auxiliar pacientes do Centro de Reabilitação FUNEC.

Elas são dispositivos que auxiliam no funcionamento de membros comprometidos e geralmente têm um custo elevado.

Tarciane Vasconcelos
Quem já precisou usar uma tala imobilizadora, um andador ou um colar cervical, por exemplo, conhece o papel das órteses na reabilitação de diversos tipos de lesões. Elas são dispositivos que auxiliam no funcionamento de membros comprometidos e geralmente têm um custo elevado. Para contornar essa situação, alunos do curso de Fisioterapia do UNEC construíram órteses com materiais alternativos que foram doadas aos pacientes do Centro de Reabilitação FUNEC.

Os alunos confeccionaram andadores e órteses para membros superiores e inferiores. Elas foram construídas com canos de PVC, velcro, espuma, tecido e outros materiais de baixo custo, possuindo a mesma funcionalidade e eficiência que as peças convencionais e custando em média dez vezes menos, dependendo do modelo.

O tratamento dos pacientes do Centro de Reabilitação que utilizarem as órteses será acompanhado de perto. A expectativa é avançar com o projeto nos próximos semestres do curso de Fisioterapia, investigando outros materiais que possam ser incorporados e se aproximar ao máximo dos dispositivos convencionais.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
" data-width="400" data-hide-cover="false" data-show-facepile="true">